A IMPORTÂNCIA DE UM OBJETIVO

Paulo Alves da Silva é Advogado.

Um dos princípios importantes para ter sucesso na vida é saber para onde quer ir, aonde quer chegar. Não se chega a lugar algum quando não se tem um destino certo.

Perceba que você simplesmente não entra em num táxi e fica calado. É necessário que diga ao motorista para onde quer ir. Do contrário, ficará gastando tempo e dinheiro.

O objetivo nada mais é do que aquilo que você deseja, aquilo que você quer ser, aquilo que você quer conseguir. É saber aonde quer chegar. É o seu sonho!

Todos podem – e devem – sonhar, mas somente aqueles que verdadeiramente creem e querem é que conseguem realizar os seus sonhos.

Portanto, identifique o seu sonho, trace a sua meta, observe o caminho a seguir e comprometa-se com eles. Mas lembre-se: não basta apenas sonhar; é necessário alcançar o sonho, realizá-lo. Sonho sem realização é fantasia, mera ilusão.

Uma observação: a vida só vai lhe dar aquilo que você desejar e perseguir de forma dedicada, determinada, comprometida, organizada, disciplinada e persistente.

Assim, pense grande, olhe para o alto e não se preocupe com os desafios. Enfrente-os. Enfrente todos os desafios porque a realização de um sonho vale todo o sacrifício.

Tenha apenas uma certeza: se você tem um sonho e se realmente deseja realizá-lo, você conseguirá. Não tenha nenhuma dúvida disso! Não importa a onde você esteja; o que importa é aonde você quer chegar.

A idade, o tempo ou a condição não são fatores suficientes para impedir a realização do seu sonho. No primeiro momento, não pense no como chegar, mas no aonde quer chegar.

Lembre-se: Beethoven, depois de surdo, compôs as suas melhores melodias; Milton, que era cego, escreveu a obra prima que é o Paraíso Perdido; Theodore Roosevelt, mesmo paralítico, tornou-se Presidente dos Estados Unidos.

Ainda mais: Lincoln que era filho de sapateiro, foi balconista de um armazém, pobre e sem ilustração, adquiriu por cinquenta centavos alguns livros velhos de direito que se encontravam abandonados no fundo de uma barrica, e tornou-se Presidente dos Estados Unidos da América.

Nacionalmente, temos infinitos exemplos: Sílvio Santos foi camelô; Renato Aragão, bancário; Lázaro Brandão, Office-boy e, mesmo só tendo o segundo grau, tornou-se presidente do maior banco privado da América Latina, o Bradesco.

Temos, ainda, Marlene Mattos, que, mesmo só tendo o segundo grau, foi empresária de Xuxa, sócia em empreendimento com Gugu Liberato, e Diretora de Produções da Rede Globo de Televisão; Maguila foi ajudante de pedreiro, treinou bastante, tornou-se um dos maiores boxeadores do Brasil, famoso e campeão.

Conta-se que Celso Portiolli, ainda garoto, assistia aos programas de Sílvio Santos, e, admirado, disse para si próprio: um dia eu serei um apresentador de televisão igual ao Sílvio Santos. Há muito é um excelente apresentador de televisão.

Todas essas pessoas tiveram enormes dificuldades para chegar aonde chegaram. Porém, todas elas sonharam, se dedicaram, perseguiram os seus sonhos e conseguiram realiza-los. Conseguiram porque tiveram objetivos claros e bem definidos, traçaram minudemente as suas metas, ultrapassaram barreiras e obstáculos, foram dedicadas, disciplinadas e persistentes. Venceram!

Você não é diferente de nenhuma dessas pessoas e, com certeza, não terá maiores dificuldades do que elas tiveram. Pelo contrário. É bem provável que hoje você se encontre em condições mais favoráveis do que as que elas se tiveram.

Não foi sem dificuldades, sem seguidas derrotas (descobriu na décima milésima vez) e sem receber várias críticas que Thomas Alva Edison conseguiu fazer a lâmpada fluorescente; Grham Bell, o telefone; Santos Dumont, o avião; Albert Sabin, a vacina contra a paralisia infantil. Todos tentaram e fracassaram dezenas de vezes. Mas persistiram e conseguiram.

Portanto, todos podem conseguir os seus objetivos. Não há dúvida disso! Ter ou não ter sucesso é decisão estritamente pessoal. Todos que querem ter sucesso, têm. Só depende da crença, do querer e do fazer; só depende de cada um. Só depende de você. Não depende dos outros…

Assim, não perca mais tempo. Pense alto. Decida neste instante mudar em definitivo a sua vida, seja inovando-a, modificando-a ou complementando-a. Identifique o seu objetivo, trace a sua meta, elabore o seu plano de ação, defina os prazos de cada etapa, e execute-os rigorosamente.

Boa sorte.

Paulo Alves da Silva é Advogado.

Último artigo publicado: DELAÇÃO PREMIADA: POR QUE ALGUNS ACREDITAM NAQUILO QUE LHE É CONVENIENTE?

Entre em contato com Paulo Alves através do facebook

Share

2 comments

Comments are closed.