Manancial de Brejão e Jucazinho após as chuvas

Manancial de Brejão, localizado no município de Sairé,vem se recuperando do colapso no mês de janeiro. Segundo fontes, já atinge 48% de sua capacidade e volta a abastecer Bezerros.
Como se observa na imagem, as chuvas não caíram com a mesma intensidade na bacia do rio Capibaribe. O manancial de Jucazinho, localizado no município de Cumaru/PE se mantém em estado crítico.
Share

CASA DE MÁQUINAS DA ELEVATÓRIA DO SIRINHAÉM DEBAIXO D’ ÁGUA

A informação que chega à redação é que o rio Sirinhaém se elevou a ponto e as águas invadiram a casa de máquina da elevatória de transposição que manda água para Bezerros. A Compesa havia paralisado o sistema para uma adequação de instalação das novas bombas. Bezerros passa a ser abastecida pelo manancial e Brejão, que vem se recuperando e já saiu do volume morto. Uma fonte atesta que o manancial já atinge mais de 30% de sua capacidade de armazenamento.

PREVISTO- O local da construção da elevatória do Sirinhaém, na de´cada 90,  foi equivocada pela proximidade com o rio. O bezerroshoje.com já noticiou o fato, já que a inundação da elevatória era prevista no caso de elevação das águas do rio.  Choveu 196mm no município de Barra de Guabiraba nas últimas 24h.

Ver imagens do rio Sirinhaém já na zona urbana de Cortês, logo após Barra de Guabiraba

Share

APAC emite novo alerta

Choveu 207mm em Caruaru nas últimas 15h, mais que a média histórica para todo o mês. O rio Ipojuca se elevou, mas se mantém ainda no leito, como mostra imagem desta manhã de domingo divulgada pela Defesa Civil de Bezerros. No ponto de registro da APAC em Bezerrros o registro chega a 33mm. Na região, surpreende os registros de Barra de Guabiraba, 186mm.  A previsão é de mais chuvas em toda a região. Acompanhe as chuvas em tempo real 

Share

BEZERROS MONITORA NÍVEL DO RIO IPOJUCA

2:25 O  secretário de Governo Josevânio Miranda continua com a equipe de Defesa Civil monitorando a situação do rio Ipojuca. As últimas informações é as águas já invadem   às margens do rio na região  da Queimada Dantas. O secretário informou ainda que a situação em Caruaru se mantém estável, o que é um bom sinal. Nesse momento chove em Bezerros, o que contribui com a elevação do rio. A APAC confere 163mm de chuvas no município vizinho  de Caruaru durante as últimas horas. Em Bezerros o índice pluviométrico é bem inferior, 12mm.

Share

Defesa Civil de Bezerros emite nota sobre rio

Após alerta emitido pela APAC sobre o aumento no volume das águas do Rio Ipojuca em Caruaru, vistoriamos alguns pontos do leito do rio aqui no município e informamos que permanece sem nenhuma anormalidade, águas permanecem fluindo pela calha do rio, com baixa probabilidade de transbordar. Qualquer informação e/ou incidente procurar-nos.

Defesa Civil Bezerros.

Share

ESPUMA NO RIO IPOJUCA É PROVOCADA PELA POLUIÇÃO

A cheia provocada pelas chuvas no rio Ipojuca diminui, mas outro evento chama a atenção dos ribeirinhos e curiosos, a densa espuma que surge logo após o paredão, que fica no centro da cidade. A alta concentração de poluentes provoca um novo surgimento de espuma e nos remete a importância do projeto de despoluição do rio anunciado pela Compesa e que já está em andamento em algumas cidades. O objetivo é a construção de ETE’s (Estação de Tratamento de Esgotos) nas cidades onde passa o ‘velho’ Ipojuca.

Share

DADOS ATUALIZADOS DA APAC: 43,92MM DE CHUVAS EM BEZERROS

As chuvas continuaram pela madrugada e registraram em Bezerros 43,92mm em Bezerros. O índice é animador e reflete em toda a região. Em Sairé, onde está localizada a barragem de Brejão que vem se recuperando do colapso, o registro foi de 51mm. Já em Barra de Guabiraba, onde corre o rio Sirinhaém (onde há a capitação d’ água para p abastecimento de Bezerros), o índice chegou a 60mm.

Barragem de Brejão vem se recuperando e já saiu do volume morto; Registro de João Paulo Alencastro feito esta semana.
Share

BREJÃO VEM SE RECUPERANDO E JÁ SAIU DO VOLUME MORTO

As chuvas que têm caído na região contribui para que a barragem de Brejão, localizada no município de Sairé, saísse do volume morto. Segundo o gerente da Compesa em Bezerros, João Paulo Alencastro, o nível no manancial já permite que água desça por gravidade até a elevatória. Isso significa que em uma eventual interrupção na adutora do Sirinhaém, a Compesa utilize  às águas de Brejão mantendo o calendário de abastecimento na cidade. João paulo explicou que a ordem é deixar que o manancial se recupere.

VEJA VÍDEO DO JUCELINO LUIZ

Share

PROGRAMA DE DESPOLUIÇÃO DO RIO IPOJUCA AVANÇA

As chuvas na região estão fazendo ressurgir o nosso rio Ipojuca, como mostra o registro do comunicador, Sérgio Leão, nesta manhã de quinta-feira (11). Poucos sabem, mas já está em andamento um projeto de despoluição do rio, que consiste na coleta do esgoto doméstico através de uma tubulação que o levará até a uma estação de tratamento. O Programa de Saneamento Ambiental da Bacia Hidrográfica do rio Ipojuca (PSA), tocado pela Compesa, já teve início no município de Tacaimbó e deve começar em breve no município de Gravatá. Em Bezerros, segundo o secretário de Governo, Josevânio Miranda, a estação de tratamento deverá ser construída às marges do rio, sentido estrada de Varzinha. As águas pluviais, portanto, não mais se misturarão com o esgoto doméstico.

Share

BEZERROS REGISTRA 20,22 MM DE CHUVAS, DIZ APAC

A agência Pernambucana de Águas e Climas (APAC) registrou mais de 20mm de chuvas em seu ponto de medição localizado no centro de Bezerros. Há registros de inundações em canal e até a queda de  uma pequena árvore no bairro da Irmã Júlia. No centro, a água chegou a ultrapassar o meio fio das ruas mais centrais. A previsão do tempo é que as chuvas continuem a cair na região durante esta semana. Acompanhe as precipitações em tempo reais em todo o Estado aqui

Share

Prefeitura diz em nota que construção no Polo Cultural está embargada

Prefeitura enviou registro de placa de interdição da construção

O bezerroshoje publicou imagem de internauta que gerou grande repercussão. Confira a nota:

A Prefeitura de Bezerros, através do Departamento Municipal de Controle Urbano, vem esclarecer alguns pontos sobre a obra denunciada há poucos dias, localizada ao lado do anfiteatro de Serra Negra:

– O terreno é de propriedade particular, e não do município;

– A obra apresentava, inicialmente, projeto aprovado, porém o mesmo foi executado pelo proprietário em total desacordo com o planejado, indo assim contra a legislação municipal;

– Dessa forma, a construção foi embargada desde o início deste mês, e o Departamento Jurídico do município está tomando todas as providências cabíveis.

Em tempo, o Controle Urbano agradece ainda a preocupação e consciência ambiental dos munícipes e afirma que o departamento continua à inteira disposição para maiores esclarecimentos, assim como para outras denúncias, através dos telefones 3728-6711 (Controle Urbano) e 0800-081-3132 (Ouvidoria Municipal).

Share

CONSTRUÇÃO AO LADO DO POLO CULTURAL CHAMA A ATENÇÃO DE INTERNAUTA

Aproveitando o tema tão pertinente quanto a preservação ambiental em Serra Negra, uma internauta nos envia uma imagem que remete a preocupação quanto a construções irregulares. O registro fica à esquerda do Polo Cultural, onde há o início de uma edificação que, provavelmente, não ficará no primeiro pavimento e que vai conflituar significativamente com a paisagem natural da região.

Share

50 mudas de ipês são plantadas em Serra Negra

Cerca de 50 mudas de ipês foram plantadas em um trecho de 1 km próximo a vila de Serra Negra. A iniciativa é da Associação dos Moradores de Serra Negra, que busca chamar a atenção sobre a importância de cuidar e preservar a natureza da região.  O mutirão, aconteceu neste sábado com o apoio de estudantes da Escola Municipal Joaquim Claudino de Oliveira. participaram também do momento ecológico os comunicadores Juliano nascimento, Erickson Claudino, o secretário de de governo, Josevânio Miranda, e o advogado Paulo Alves. 

Share